Concurso para o TRF: Informações úteis para quem pretende concorrer | Portal Jurídico Investidura - Direito

Concurso para o TRF: Informações úteis para quem pretende concorrer

Não é incomum a abertura de editais de concursos públicos para o preenchimento de cargos nos Tribunais Regionais Federais. Esses tribunais são órgãos do Poder Judiciário e têm competência de julgar, entre tantos outros casos, os processos em que a União, entidade autárquica ou empresa pública federal forem partes, salvo exceções.

 Antes de qualquer coisa, tenha em mente que os cargos de técnico judiciário exigem nível médio, enquanto os de analistas a exigência é de nível superior. Os cargos de analistas para a área administrativa aceitam qualquer formação de nível superior, ou seja, o candidato pode ser formado em qualquer curso, enquanto somente os formados em direito podem ocupar os cargos de analistas para a área judiciária.

 A remuneração, em especial dos cargos de analistas, podem superar os 10 mil reais. Regra geral, competir em um desses cargos não impede que o candidato tente ser aprovado no outro, pois as provas não costumam ser simultâneas. Seja qual for o cargo concorrido, o candidato, quando aprovado, se tornará servidor público federal e estará sujeito ao regime estatutário, previsto na Lei 8.112/1990.

 Enfim, a primeira coisa que se deve fazer é verificar se o edital do concurso já foi lançado. Caso ele ainda não tenha sido, ótimo! Você terá mais tempo para se preparar. Procure o edital do último concurso semelhante lançado pelo mesmo TRF e estude através dele. Para se sentir mais seguro, procure não apenas o último, mas todos que você encontrar, assim é possível verificar o padrão seguido pelos tribunais dos conteúdos cobrados. Verifique também qual será a banca examinadora, para se adaptar ao estilo de prova antes mesmo de disponibilizarem o edital.

 Adiantamos que as matérias cobradas em quase todos os concursos de tribunais federais são: português, direito constitucional, direito administrativo, informática, atualidades e raciocínio lógico. Esses são os conteúdos que você deve estudar primeiro, caso o edital ainda não tenha sido publicado. Assim, você não corre tanto risco de estudar algo que não caia. Caso você seja organizado e tenha tempo de sobra (meus parabéns por isso), aproveite para estudar também direito e processo civil, direito e processo penal, administração financeira e orçamentária e administração pública.

 Após a publicação do edital, baixe-o para analisá-lo detalhadamente. É válido até imprimi-lo e ter próximo de você a todo o momento até o dia da nomeação, uma vez que ele será a “bíblia” do certame e servirá, se bem elaborado, para tirar praticamente todas as dúvidas que se possa ter sobre o concurso.

 Outros dois pontos importantes sobre concursos para o TRF, que podem ser verificados no edital, são que, muitas vezes, o tribunal convoca um número maior de aprovados do que as vagas inicialmente previstas. Assim, analise os aprovados dos últimos concursos realizados no tribunal em questão. O segundo ponto é que, muitas vezes, existe a possibilidade de remoção posterior. Ou seja, o aprovado e empossado pode solicitar remoção de uma localidade para outra.

 Confira mais informações sobre como se preparar após a publicação do edital do concurso .

 Enfim, leia o edital e veja todos os cargos oferecidos, como segurança, arquivologia, TI, psicologia, etc. Analise as atribuições do cargo pretendido, para que não se decepcione depois de estudar, ser aprovado e nomeado. Após, leia o conteúdo programático, veja quais são as matérias que serão cobradas em todos os cargos, bem como o conteúdo específico daquele a que você visa.

 Acessa às paginas dos concursos de cada um dos cinco Tribunais Regionais Federais:

 TRF-1

 TRF-2

 TRF-3

 TRF-4

 TRF-5

 Veja também uma lista com os 10 melhores sites de concursos para e encontrar questões e editais .

 

Como referenciar este conteúdo

SCHIEFLER, Eduardo André Carvalho. Concurso para o TRF: Informações úteis para quem pretende concorrer. Portal Jurídico Investidura, Florianópolis/SC, 02 Mar. 2017. Disponível em: investidura.com.br/concurso-publico/dicas/335509-concurso-para-o-trf-informacoes-uteis-para-quem-pretende-concorrer. Acesso em: 19 Set. 2020

 

Receba nossos e-mails e infoprodutos jurídicos

 

 

ENVIE SEU ARTIGO